CORTO MALTESE - Pixel Media - Sempre um Pouco mais Distante - s/nº - Maio / 2006

CORTO MALTESE - Pixel Media - Sempre um Pouco mais Distante - s/nº - Maio / 2006

CORTO MALTESE - Pixel - Maio / 2006 - s/nº - A monumental obra de Hugo Pratt (1927 - 1995), reconhecida mundialmente por suas qualidades, com um dos mais perfeitos personagens das histórias em quadrinhos, o astuto marinheiro Corto Maltese, lançado oficialmente por volta de 1970 na França

Tratam-se de quadrinhos de concepção arrojada e altíssima qualidade, com o traço seguro e inconfundível de Pratt, que rendeu inúmeras e emocionantes aventuras com Corto Maltese.

Texto a seguir, construído com base no contido na própria publicação:

"Conta a lenda (seria mesmo lenda?) que Corto Maltese nasceu do encontro entre uma cigana da Andaluzia - a Niña de Gibraltar - e um marinheiro inglês da Cornualha, que fazia uma escala no litoral do Mediterrâneo. Hugo Pratt começou a relatar a vida de Corto Maltese em 1967 e apegou-se a este marinheiro anarquista com rapidez - a maneira de viver dos dois é muito parecida. Nesta obra, Hugo Pratt narra a passagem de Corto pela floresta amazônica por volta de 1923 ... sempre um pouco mais distante na aventura e na magia."

Pratt, mais tarde, juntou-se a Milo Manara, o excepcional criador na área de quadrinhos eróticos, que resultou em grande sucesso para ambos; Verão Índio, possivelmente, é a obra mais significativa que produziram.

Sem dúvida, Corto Maltese é uma criação singular na história dos quadrinhos e Hugo Pratt um de seus maiores expoentes.

................................................................................................................................................................

OBS.:

 Selo-Destaque

Este gibi é destaque no módulo "Momentos Mágicos dos Gibis", deste site, item 25.

...............................................................................................................................................................

                   

                       Abaixo, duas cenas clássicas de Corto Maltese, e o extraordinário Hugo Pratt

                    

               

                                                                                 As três imagens: www.pinterest.com