CINE QUADRINHOS - Gold West Comics - nº 04 - Agosto 2019 - John Wayne e Jeffrey Hunter - "Rastros de Ódio"

CINE QUADRINHOS - Gold West Comics - nº 04 - Agosto 2019 - John Wayne e Jeffrey Hunter - "Rastros de Ódio"

CINE QUADRINHOS - nº 04 - 2019 - Um gibi genuinamente brasileiro !!! Iniciativa de Primaggio Mantovi, antes de tudo um apaixonado pelos quadrinhos. Primaggio tem circulado por este site, em diversos momentos, não só por sua profícua carreira de desenhista, mas também por ter se transformado nos últimos anos em dedicado empreendedor da área de quadrinhos, produzindo inúmeras publicações que buscam preservar a memória de nossos gibis, reeditando nossos grandes heróis das décadas de 1950/60. (Cliquem abaixo, nas "etiquetas", sobre o nome do Primaggio, e abrirá uma tela com todos os registros sobre ele neste site. Vale a pena conferir !!!)

Além disso, ele vem editando gibis quadrinizados, contendo filmes que fizeram sucesso naquela época, como é o caso do exemplar abordado neste tópico - Rastros de Ódio - sem dúvida, um dos mais importantes westerns da história do cinema. A publicação tomou como base o gibi Cinemin, Nº 67, de Abril/1957, editado pela Ebal que, por sua vez, publicou em quadrinhos preto-e-branco, o conteúdo do gibi da Dell (Four Collors, nº 709, de Junho/1956).  

É totalmente desnecessário entrarmos em detalhes sobre o filme, extremamente conhecido, até porque já publiquei neste site, há tempos, o gibi Cinemin citado - nº 67 - contendo inúmeros comentários. Mas Rastros de Ódio (The Searchers), de 1956, foi dirigido por John Ford, e muitos consideram este o seu melhor western. O filme é de uma "quase perfeição", onde todos os detalhes parecem ter sido rigorosamente observados, e ainda foi valorizado pela presença de John Wayne como Ethan Edwards, personagem que se tornou como o intérprete: imortal !!! 

Realmente, o desempenho de John Wayne é impressionante !!! 

É de se perguntar: - onde está o merecido Oscar de John Wayne, pelo impecável trabalho, tornando Ethan Edwards tão conhecido quanto ele próprio? Esta é uma pergunta que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood jamais conseguirá responder, infelizmente! 

Mas, particularmente sobre o "gibi-revista" (melhor assim), de Primaggio Mantovi, só tenho observações positivas. Assim que o vi, pensei: "somente" 62 anos separam este Cine Quadrinhos nº 04, de Cinemin nº 67 !!! Na verdade, é um verdadeiro privilégio para quem viu a edição de Cinemin em 1957, ver agora a edição desse Cine Quadrinhos !!! Confesso que é emocionante !!! 

Primaggio, sem dúvida, fez um trabalho à altura do grande western, pesquisou, avaliou e colocou informações realmente pertinentes, além de republicar na íntegra, os quadrinhos do Cinemin nº 67, com os desenhos de Mike Roy, e de adicionar belas fotos (cenas) e inúmeros cartazes do filme, lançados no mundo todo, à época. E, com fecho de ouro, apresentou um gibi-revista muito bem produzido, impresso em papel (capa e miolo) de qualidade, claro que bem melhor que os disponíveis à época (década de 1950). E, ainda, massageando nosso coração, coloca no "FIM", página 41, a marcante cena final com John Wayne saindo fora da casa e olhando a imensa paisagem do Velho Oeste ... 

Um excepcional trabalho, para um filme também excepcional !!!

.................................................................................................................................................................

Aqui deixo registrada uma mensagem ao meu querido amigo Primaggio (o Primo):

Meu caro Primo, 
você, dessa forma, derruba este seu amigo já meio combalido pelo tempo de uso! Ver agora, em 2019, o lançamento de um gibi de alta qualidade, sobre um filme de faroeste, com John Wayne (e um de seus maiores filmes - Rastros de Ódio), me disparou o coração !!! Mas, Primo, fique tranquilo! Você não imagina a alegria que me proporcionou! Obrigado, meu amigo, pelo seu verdadeiro "gol de placa"! Continue nessa sua saga, nessa luta pela preservação da memória de nossos gibis. É o que também tento fazer neste site: registrar tudo que posso, como forma de manter viva essa gloriosa história e memória de nossos velhos gibis. Estamos juntos nessa empreitada!  Um grande abraço, afonso. https://70-anos-de-gibis.webnode.com

......................................................................................................................................................................

 

       Vejam, abaixo, a última contracapa do gibi com cenas do fantástico western

           

                                   Imagem do gibi de meu acervo: 70-anos-de-gibis