GENE AUTRY (e Campeão) - Ebal - nº 93 - Setembro 1959

GENE AUTRY (e Campeão) - Ebal - nº 93 - Setembro 1959

GENE AUTRY - Um dos grandes cowboys americanos do Velho Oeste, dividia com Roy Rogers a preferência dos leitores e daqueles que os acompanhavam em filmes-seriados, bem como na música country, onde também atuavam. Eram os chamados cowboys-cantores.

Neste número aqui publicado, Gene Autry  divide as honras com seu cavalo Campeão, inclusive cedendo o espaço da capa, com uma bela ilustração. Aliás, houve um período em que era comum essas capas com cavalos, principalmente com Trigger (Roy Rogers) e Silver (Zorro - The Lone Ranger). 

O fato é que não era (e não é) possível imaginar um cowboy sem um cavalo. No Velho Oeste americano, inclusive, um dos maiores crimes, punido com a própria vida de quem o cometesse, era o roubo do cavalo de alguém, algo inadmissível.

Assim, principalmente nas décadas de 1930 a 1950, cada um de nossos heróis: Gene Autry, Roy Rogers, Zorro, e também Hopalong Cassidy, Rock Lane, etc, tinha seu cavalo que, além de um nome sugestivo, recebia um tratamento especial, ou seja, o cavalo era considerado um ator, com todas as vantagens que isso pudesse lhe trazer: as melhores acomodações, banhos, alimentação e cuidados médicos dos melhores, participação em festividades, etc. Não raro, quando morriam, eram homenageados com cerimônias, em concorrido enterro e com túmulos ricamente ornamentados. 

Até nos desenhos, como é o caso da BD franco-belga, o herói Lucky Luke tem um cavalo tão inteligente quanto ele: Jolly Jumper que, muitas vezes assume o comando das ações. 

                     Vejam abaixo, que bela foto de Gene Autry com Campeão (capa de gibi da Dell)

                                      

                                                                                           www.mycomicshop.com